Capa Page Face_edited_edited.jpg

Blog Soturno

Encontre aqui todas as informações sobre tudo que vem ocorrendo em relação à editora Círculo Soturnos, além de entrevistas, textos dos autores, artigos e matérias sobre nossos lançamentos e eventos.

Permanência

Atualizado: 16 de Abr de 2020


Da antologia Soturnos - Volume 4 (publicação de 2019), separamos o poema de Douglas Sinsuk - um dos destaques de nosso Sarau dos Malditos, com narração de Sr. Arcano.

De acordo com o poeta, o texto retrata os últimos dias de um velho que acabará de perder sua esposa para uma doença terrível. Recusando-se a deixá-la partir, ele resolve permanecer com ela durante semanas, até o fatídico dia do seu suicídio.

Leia (e ouça) o poema em nosso espaço soturno...


Sentada em sua cadeira ela permanece.

Em dias escuros quase não vejo mudanças.

O adoecer cadente nos seus dias.

A luz não encontra passagem.