Vampira Zero


Dia 1


Eu sei que sou um pouco fora dos padrões da sanidade só que nestes últimos dias com certeza tenho me tornado muito mais. É tão difícil explicar o que sinto quando olho pela janela sabendo que não posso mais olhar. O ano começou até bem, as coisas pareciam estar finalmente se ajustando.


Até que de repente... As pessoas começaram a ficar doentes e isso foi se espalhando muito rápido, no começo não me importei muito afinal uma criatura da noite como eu não precisava se preocupar com muitas coisas. Sempre houve problemas como esse assolando o povo humano, o último que tinha visto com essa intensidade foi em 1648. Naquela época podíamos nos alimentar normalmente e continuar nossa vida noturna como sempre.

Mas, aquilo me pegou de surpresa, estava como sempre a vagar por vielas escuras esperando algum desleixado para me aproveitar e foi quando aconteceu.


Mordi uma pessoa infectada, uma moça desafortunada que cruzou meu caminho. Só que eu não imaginava que o infortúnio seria na realidade meu. Poucos dias depois comecei a sentir essas dores no corpo e no estômago. Como já você deve imaginar eu que me considerava o auge da evolução fiquei doente após aquela mordida.


Então, comecei a vomitar um líquido viscoso e escuro quase todos os dias ao tentar me alimentar. Foi quando começou a quarentena e os humanos começaram a se trancar em suas casas, tudo fazia sentido agora... Como poderia isso ser real? Estou em confinamento como todos os outros, também fomos estranhamente infectados alguns de nós pelo menos.